Teste de Impairment

Tem por objetivo atender às normas contábeis brasileiras CPC 01  (Redução ao Valor Recuperável de Ativos) aprovado pela deliberação CVM nº 527/07, determinadas através da Lei 11.638 / 07. Seguindo criteriosamente as determinações da NBR 14.653 e atende tanto empresas que já tem o cadastro de bens do ativo imobilizado quanto empresas que ainda necessitam desenvolver esse controle.

A aplicação do Teste de Recuperabilidade do ativo ou Teste de Impairment (Impairment test) é assegurar que o valor registrado de um ativo seja recuperável pela capacidade de gerar receita (dinheiro) pela sua venda ou pelo uso.

O teste de impairment de ativos de longa duração visa evidenciar e mensurar a perda de capacidade de recuperação do valor contábil desses ativos, identificando a perda em função da avaliação desse critério. Assim, o Teste de Impairment verifica se o valor recuperável do ativo (pelo valor líquido de venda ou valor de uso – Fluxo de caixa descontado – é superior ao valor líquido contábil do ativo (valor original menos as depreciações acumuladas